terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Maconha diminui chances de obesidade.

Pesquisadores da Universidade de Cornell ,de Nova York e da San Diego University, na Califórnia , realizaram um estudo chamado "O efeito das leis da maconha medicinal  no peso corporal "; publicado recentemente.

 Depois de examinar dados coletados durante 12 anos pelo Centers of  Disease Control and Prevention (Centros de Controle e Prevenção de Doenças); o estudo mostrou que a regulamentação da maconha medicinal tem efeitos positivos na perda de peso corporal, para o bem-estar físico e para os exercícios.



 De acordo com o estudo , a regulamentação da maconha está diretamente associada com o declínio de 2 á 6% na probabilidade de obesidade nos pacientes que fazem uso da cannabis.

 As estimativas dos pesquisadores sugerem ainda que a maconha medicinal pode reduzir de US$ 58 (R$217,94) a US$ 115 (R$432,11) os custos médicos relacionados com obesidade  por pessoa.

 Para aqueles com 35 anos ou mais, os autores da pesquisa afirmam que a regulamentação  é associada com aumento do bem-estar físico e a preocupação com a saúde.